segunda-feira, 6 de outubro de 2014

Conectado ou Plugado?

O mundo que vivemos hoje, é bem diferente do mundo de 20 anos atrás, principalmente no Brasil, pois em 1983 funcionou o primeiro celular no mundo, dando início a uma era não só nas telecomunicações, mas também no comportamento, nas relações sociais, no modo de trabalho e em diversos outros aspectos da sociedade do fim do século XX até hoje.
Ouvindo o homem e sua mulher os passos do Senhor Deus, que andava pelo jardim quando soprava a brisa do dia, esconderam-se da presença do Senhor Deus entre as árvores do jardim. Gn 3:8
Mas o Senhor Deus chamou o homem, perguntando: "Onde está você? Gn3:9
Quando Deus criou o homem, estabeleceu uma conexão entre a criatura e o Criador, havia um relacionamento entre Deus e Adão e Eva. Deus os visitava todos os dias, quando soprava a brisa do dia, sentiam a presença Dele, e isto era o que preenchia e completava na vida deles, o que está escrito em Ec 3:11 -  Ele fez tudo apropriado ao seu tempo. Também pôs no coração do homem o anseio pela eternidade; mesmo assim ele não consegue compreender inteiramente o que Deus fez.
Mas quando cederam a tentação, se “desconectaram” de Deus, pois, ao comer o fruto daquela árvore, desobedeceram a Deus, e não havia pecado na fruta, mas na desobediência, ao se desconectarem da presença de Deus, “plugaram” suas vidas no pecado. E essa tem sido a grande luta do homem desde então. Estar CONECTADO em Deus ou estar PLUGADO no pecado?
Plugado
Ligado em uma tomada elétrica.
Conexão
Do latim connexio, onis.
Connection, Conexión, etc.....
Comunicação ou interligação entre dois elementos quaisquer.
Estado de coisas ligadas
Dependência
Conectando-se: conhecendo Deus pessoalmente.

PRIMEIRO PRINCÍPIO: Deus ama você e tem um plano maravilhoso para sua vida.
O AMOR DE DEUS
“Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo o que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna” (João 3.16).
O PLANO DE DEUS
Cristo afirma: “…eu vim para que tenham vida e a tenham em abundância” [Uma vida completa e com propósito] (João 10.10).
Por que a maioria das pessoas não está experimentando essa “vida em abundância”?


SEGUNDO PRINCÍPIO: O homem é pecador e está separado de Deus; por isso não pode conhecer nem experimentar o amor e o plano de Deus para sua vida.
O HOMEM É PECADOR
“Pois todos pecaram e carecem da glória de Deus” (Romanos 3.23).
O homem foi criado para ter um relacionamento perfeito com Deus, mas por causa de sua desobediência e rebeldia, escolheu seguir seu próprio caminho e seu relacionamento com Deus se desfez. Esse estado de independência de Deus, caracterizado por uma atitude de rebelião ou indiferença, é evidência do que a Bíblia chama de pecado.
O HOMEM ESTÁ SEPARADO
Porque o salário do pecado é a morte…” [separação espiritual de Deus] (Romanos 6.23).
Deus é santo e o homem é pecador. Um grande abismo separa os dois. O homem está continuamente procurando alcançar a Deus e a vida abundante, através de seus próprios esforços: vida reta, boas obras, religião, filosofias, e aqui entra o propósito da introdução. O psicanalista José Renato Avzaradel mostrou como a compulsão por “estar plugado” comanda a vida.

Em recente artigo na revista americana Newsweek, uma menina afirma que, quando não está plugada – ou seja, conectada à internet – sente um vazio enorme, uma depressão. Cerca de 70% da população na Coréia do Sul tem acesso à internet, o que representa 48 milhões de habitantes. É, segundo pesquisas, a maior taxa de penetração do mundo, e lidera uma espécie de compulsão coletiva. A Comissão de Proteção à Juventude revelou, após entrevistar 2.440 jovens, que 60% dos consultados são viciados em jogos on-line e internet. 
Não podemos dimensionar ainda com precisão as consequências psicológicas de novas tecnologias da vida moderna. Atualmente assistimos ao “estar plugado”. Não existem mais vazios, angústias, o assustador estar consigo mesmo. Como numa religião universal, estar plugado parece responder às mais poderosas angústias humanas, disponível em todos os momentos em que um desconforto emocional for vivido. 
Pessoas podem acreditar que jantaram juntas, quando, na verdade, ambas estiveram nos seus celulares o tempo todo, o que não é raro de se observar em restaurantes. E que forma mais curiosa de sublimar as compulsões sexuais exibicionistas. Liga-se o celular no elevador e todos estarão participando da sua vida íntima. Num passe de mágica. O celular transformou-se também em um eficiente instrumento de ilusão de controle. Pais acreditam que podem controlar o que os filhos estão fazendo. Maridos e esposas acreditam que assim não serão traídos. Tenta-se ficar dentro da cabeça do outro, perdendo-se a noção de serem pessoas separadas. Mas estas soluções, normalmente, apresentam uma conta cara.

TERCEIRO PRINCÍPIO: Jesus Cristo é a única solução de Deus para o homem pecador. Por meio dele você pode conhecer e experimentar o amor e o plano de Deus para sua vida.
ELE MORREU EM NOSSO LUGAR
“Mas Deus prova o seu próprio amor para conosco pelo fato de ter Cristo morrido por nós, sendo nós ainda pecadores” (Romanos 5.8).
ELE RESSUSCITOU DENTRE OS MORTOS
“…Cristo morreu pelos nossos pecados… foi sepultado e ressuscitou ao terceiro dia, segundo as Escrituras, e apareceu a Pedro e depois aos Doze. Depois disso apareceu a mais de quinhentos..” (1 Coríntios 15.3-6).
ELE É O ÚNICO CAMINHO
“Respondeu Jesus: Eu sou o caminho, a verdade e a vida. Ninguém vem ao Pai, a não ser por mim” (João 14.6).
Deus tomou a iniciativa de ligar o abismo que nos separa dele ao enviar seu Filho, Jesus Cristo, para morrer na cruz em nosso lugar, pagando o preço de nossos pecados.

QUARTO PRINCÍPIO: Precisamos receber a Jesus Cristo como Salvador e Senhor, por meio de um convite pessoal. Só então poderemos conhecer e experimentar o amor e o plano de Deus para nossa vida.
PRECISAMOS RECEBER A CRISTO
“Contudo, aos que o receberam, aos que creram em seu nome, deu-lhes o direito de se tornarem filhos de Deus” (João 1.12).
RECEBEMOS A CRISTO PELA FÉ
“Pois vocês são salvos pela graça, por meio da fé, e isto não vem de vocês, é dom de Deus; não por obras, para que ninguém se glorie” (Efésios 2:8-9).
RECEBEMOS A CRISTO POR MEIO DE UM CONVITE PESSOAL
Cristo afirma: “Eis que estou à porta e bato. Se alguém ouvir a minha voz, e abrir a porta, entrarei…”(Apocalipse 3.20).

Receber a Cristo implica arrependimento, significa deixar de confiar em nossa capacidade para nos salvar, crendo que Cristo é o único que pode perdoar nossos pecados. Apenas saber que Jesus Cristo é o Filho de Deus e que morreu na cruz pelos nossos pecados, não é suficiente. É necessário receber a Cristo pela fé, por meio de uma decisão pessoal.
A vida controlada pelo “EU”. O “EU” no centro da vida. Cristo fora da vida. Interesses controlados pelo “EU”, geralmente, causando discórdias e frustrações.

A vida controlada por Cristo. CRISTO no centro da vida. O”EU”  fora do centro. Interesses controlados por Cristo, resultando em harmonia com o plano de Deus.

Qual dos dois círculos representa a sua vida?
Qual deles você gostaria que representasse sua vida?