sexta-feira, 18 de maio de 2012

JOVENS EM CRISTO FAZENDO A DIFERENÇA NO SÉCULO XXI


TEXTO: Ec 12:1-7
INTRODUÇÃO
Gostaria de trazer a memória uma redação, escrita por um jovem americano, de origem alemã, Samuel  Ullman, que aliás, chamou tanto a atenção dos japoneses, que a maioria deles, tem uma cópia dessa redação guardada nas suas carteiras. Ele diz:
A Juventude é uma jornada espiritual e não uma simples questão de idade Biológica.

A juventude não é apenas uma fase da vida.
"É um estado de espírito, um reflexo da vontade, uma característica da imaginação, uma intensidade emotiva, uma vitória do valor sobre a timidez, um gosto da aventura sobre o amor à comodidade.”
"Ninguém se torna velho por haver vivido certo número de anos. Torna-se velho aquele que abandonou os seus ideais.
O tempo enruga a pele de nosso rosto, mas o abandono de nossos ideais enruga a nossa alma.”
"As preocupações, as dúvidas, os temores e, principalmente, as desesperanças são os inimigos que, lentamente, nos fazem vergar para o chão e nos convertem em pó antes da morte.”
"Jovem é quem se encanta e se maravilha, perguntando como a criança: "
- E depois?"
“Jovem é quem desafia os acontecimentos e encontra alegria nos embates da vida.
As provas o galvanizam, os fracassos o tornam mais forte e as vitórias o fazem ainda melhor.”
"Serás tão jovem como a tua fé e tão velho quanto as tuas dúvidas.
Tão jovem quanto a confiança que tenhas em ti e tão velho como tuas desesperanças e teu abatimento.”
"Permanecerás jovem enquanto permaneceres generoso, enquanto sentires entusiasmo em dar algo de ti mesmo, sejam pensamentos ou palavras.”
“ Permanecerás jovem, enquanto fores receptível a tudo quanto é belo, bom e grandioso: às mensagens da natureza, do homem e do infinito.”
"E se um dia, qualquer que seja a tua idade, sentires o coração mordido pelo pessimismo, torturado pelo egoísmo e roído pelo cinismo”,
 “Que Deus, então, tenha piedade de tua alma, porque neste dia serás de verdade Um velho”!

LEMBRA-TE DO TEU CRIADOR, NOS DIAS DA TUA MOCIDADE, ANTES QUE VENHAM OS MAUS DIAS!!!

ANTES DE MEDITARMOS, SOBRE “LEMBRAR-SE DO CRIADOR, NOS DIAS DA MOCIDADE, GOSTARIA DE ENTENDER MELHOR OS “MAUS DIAS”, QUE SE DESCORTINAM A NOSSA FRENTE A PARTIR DO VERS. 2

A primeira coisa, que chama muito a atenção é que, mesmo eu não querendo, mesmo eu negando, os maus dias virão. Isso é um fato. E o que mais vemos é esse versículo acontecer de forma inversa, na maioria das vezes...."Lembrar-se do Criador nos maus dias!!!"
O que o “pregador” (nome dado ao autor de Eclesiástes) nos diz nesse texto, tão somente é o que o ocorre ao ser humano, com o passar dos seus dias. Vejamos:

1 – Quando os “guardas” da “casa” tremerem.
            Casa – Corpo humano
            Guardas – Braços
2 – Os homens fortes se encurvarem
            As pernas não conseguirem mais sustentar o peso do corpo
3 – Os moedores forem poucos
            Os dentes
4 – Os que olham pelas janelas se escurecerem
            Miopia gradativa, cegueira
5 – As (duas) portas da rua se fecharem
            A boca e os ouvidos forem incapazes de falar e ouvir
6 – O ruído da moedura estiver baixo
            Gengivas mastigando ao invés de dentes
7 – Se levantar à voz das aves
            Acordar do sono quando ouvir uma musica tocando, alguém cantando.
8 – Quando temerem o que á alto
            Medo de se encontrarem com Deus
9 – Quando houver espanto no caminho
            Medo da jornada pelo vale da sombra e da morte
10 – A amendoeira florescer
            Cabelos grisalhos, e depois a queda dos cabelos
11 – Gafanhoto for um peso
            O menor peso já é difícil de suportar
12 – E perecer o apetite
            Os apetites, desejos e paixões fenecerem porque é hora de morrer
13 – O Cordão de Prata se romper
            Espinha dorsal, Coluna
14 – O copo de Ouro se quebrar
            O Coração (Alguns acreditam ser o crânio)
15 – O Cântaro se despedace junto a fonte ou a roda junto ao poço
            O Coração como bomba, parar de bombear o sangue pelo corpo, para mantê-lo vivo
16 – E o pó volte a terra como era
            O corpo volte a terra, após a morte
17 – E o espírito volte a Deus que o deu.

Ainda, no vers. 5 a referência feita a Casa Eterna do Homem, será o seu lugar no céu ou no inferno.
Com certeza é uma leitura reflexiva, que nos leva a meditar um pouco mais sobre o que estamos fazendo nesse exato momento das nossas vidas. O que fizemos até aqui, e o que vamos querer fazer a partir desse momento.
O conselho do pregador é:
Lembra-te do Teu Criador, nos dias da tua mocidade!!!
Baseado no tema, Jovens em Cristo fazendo a diferença e na redação de Samuel Ullman, podemos, perfeitamente entender que o que nos torna Jovens, é o que realmente estamos fazendo para Deus, como estamos fazendo e quanta intensidade há nisso.
Não se trata somente da idade biológica que temos, apesar, de não termos como negar o que, com o passar dos anos, vai acontecendo com nosso corpo físico. Mas se tivermos em mente o que o Ap Paulo diz, em 1 Co 15:19:
"Se esperarmos em Cristo só nessa vida, somos os mais miseráveis de todos os homens.”

Podemos  expandir nosso horizonte, para além dessa vida que conhecemos, e entrarmos no plano eterno da salvação. Temos que entender que há uma eternidade para se viver, e precisamos escolher, se é com Cristo, no céu, reinando em glória, ou  no inferno, sofrendo o tormento eterno, dia e noite, dia após dia.
Se a primeira opção é a que escolhemos, então temos um trabalho a fazer. Lembrar-se do  Criador nos dias da mocidade, com certeza, primeiro refere-se ao tempo em que há um vigor físico sobrando em nossas vidas, para fazer o impossível acontecer, mas também não exclui aquele que se converte ao senhor em idade avançada, pois os que esperam no Senhor, renovarão as suas forças, subirão com asas como águias, correrão e não se cansarão, caminharão e não se fatigarão.....
Mas podemos ir mais a fundo no que o Pregador está dizendo: “Lembra-te”
Ele nos exorta a nos lembrarmos, porque, constantemente nos esquecemos do Senhor!
Nos lembramos de tantas coisas! Nos lembramos do nome de tanta gente. Do telefone de tanta gente, dos e-mails, das nossas contas do nas mais variadas redes sociais que existem e nascem a cada dia, que nos fazem lembrar, que temos que postar uma foto, postar um comentário, cumprimentar alguém. Lembramos de ler tantos recados, scraps, twitters......
A vida hoje em dia, faz com que tenhamos que lembrar de tanta coisa, estudos, compromissos profissionais, que nos sufocam, e faz com que nos esqueçamos daquele nos amou, e se entregou a si mesmo por nós....
Nos esquecemos de Jesus, da sua importância, de quem Ele é, da grandeza e do tamanho do seu feito.....se realmente fossemos nos lembrar, a todo instante do que Jesus fez por nós na cruz do calvário, estaríamos a cada instante da nossa vida, dizendo: Obrigado, Jesus! Eu te amo!
A exortação: "Lembra-te" é para aqueles que tem se esquecido de Deus. Até mesmo nós, que estamos dentro da igreja, pastores, líderes, ministros...... Lembramos de tudo, do áudio, do vídeo, da igreja arrumada, de quem vai vir pro culto, da musica que vai ser cantada, do sermão que vai ser pregado, mas será que estamos lembrando do Senhor? De perguntar pra Ele o que ele gostaria de ouvir, de como Ele gostaria que as coisas estivessem arrumadas?
Se quisermos fazer a diferença no séc. XXI, precisamos nos lembrar, como diz o pregador:
Lembra-te do Teu Criador!!!
Quem é o Criador? O Autor deste livro faz uma referência muito séria ao se referir a Deus como criador. A palavra hebraica usada aqui é o verbo “ Bärä´ ” – onde o Sujeito é somente Deus. Usado para mencionar o seu poder criador.
Lembrar-se do Criador, aqui nos faz refletir, de quem nos criou. E de que vamos dar conta a Ele da sua criação. E para que fomos criados, eu pergunto?
Isaías 43:21 responde: A esse povo que formei para mim, para que me desse louvor!!!!
      DAR – (Sãphar) Significa relatar ou contar, e é usado muitas vezes para se referir a comunicação de importantes informações e verdades aqueles que não as ouviram, especialmente as nações estrangeiras.
      LOUVOR - (Tehillãh) Representa o caráter de Deus que merece louvor. Um hino. Um cântico de louvor.
      Dar Louvor aqui tem o sentido de que o nosso louvor a Deus deve ser conhecido pelo mundo, pelas pessoas, pelos nossos amigos, familiares, colegas de serviço, de escola....nossos inimigos........

Se quisermos, e estivermos dispostos a fazer a diferença neste século, então precisamos, a partir de hoje, começar a lembrar que Deus, é o nosso Criador........e que a criatura, deve ao criador, e vai dar conta a Ele do que fez, do que tem feito, e ainda vai fazer..........
A primeira coisa que precisamos entender é essa, que fomos criados para Adorar a Deus!!!
Talvez seja a primeira e única coisa que realmente precisamos entender:
Adorarás ao Senhor Teu Deus, com todas as tuas forças, com toda a tua alma, e com todo o seu entendimento........
As vezes, nossa adoração, tem sido com pouca força........nossa alma está muitas vezes abatida, e nosso entendimento longe da presença do Senhor.
Mas hoje, a Alegria do Senhor será a nossa força!!! E como Davi, vamos dizer, que a nossa alma está como a corça, que suspira pelas águas e que vamos apresentar a Deus nossos corpos como sacrifício vivo, santo e agradável a Deus......e mais ainda, vamos fazer um voto, para que não nos conformemos com este mundo, mas sejamos transformados pela renovação do nosso entendimento, e dizer ao Senhor, que queremos conhecer não só a sua boa vontade, mas viver a perfeita e agradável vontade Dele nas nossas vidas......

Que o nosso Criador seja tudo que a nossa alma possa desejar a cada dia, mais e mais.....